Apresente o Sistema Solar às crianças

Elas vão adorar descobrir que, além do Sol, da Lua e das estrelas que, nas grandes cidades ficam parcialmente ocultos devido à poluição, há mais oito planetas, diversos satélites naturais e outros corpos menores

Foto: astronomiaamadora.net | Adaptação web Caroline Svitras

 

 

Para começar a viagem espacial com as crianças, explique que sistema solar, além de ser um dos braços da Via Láctea, é formado pelo Sol, por oito planetas com seus respectivos satélites e mais de 1.700 corpos celestes menores, entre os quais cometas e asteroides. Todos esses corpos, de forma simplificada, giram em torno do Sol, que é a estrela mais próxima da Terra. As demais, que são aqueles pequenos pontos de luz que vemos à noite, estão muito distantes de nosso planeta e integram outros sistemas.

 

 

Os planetas do Sistema Solar

Os planetas do Sistema Solar são oito: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Entre eles, os menores e mais próximos do Sol são compostos de rochas e metais:
Mercúrio, Vênus, Terra e Marte. Já os maiores e mais distantes do Sol são gasosos. Logo, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno são planetas formados basicamente por hidrogênio e hélio!

Com exceção da Terra, todos os demais planetas têm nomes de deuses da mitologia grega e romana:

  • Mercúrio: mensageiro dos deuses
  • Vênus: deusa do Amor
  • Marte: deus da guerra
  • Júpiter: deus dos deuses
  • Saturno: deus da agricultura
  • Urano: deus dos céus
  • Netuno: deus do mar

 

Mercúrio: é o planeta mais próximo do Sol e o menor de todos eles. Mesmo assim, ele fica a 57.910.000 km do astro-rei e, em consequência, sua temperatura média é altíssima: 800 ºC. Já o seu diâmetro é de apenas 4.878 km.

 

Vênus: é o segundo planeta mais próximo do Sol e o mais brilhante de todos. Ele fica a 108.200.000 km do astro-rei. Sua temperatura média é de 480 ºC e seu diâmetro é de 12.103,6 km.

 

Terra: é o terceiro planeta a partir do Sol e o quinto maior do Sistema Solar. Até hoje, é considerado o único capaz de suportar vida. A 149.600.000 km do astro-rei, sua temperatura média é de 15 ºC e seu diâmetro é de 12.756.3 km.

 

Marte: em virtude da própria cor, o quarto corpo celeste a partir do astro-rei é conhecido como planeta vermelho. Ele fica a 227.940.000 km do Sol. Muito frio, sua temperatura média é de -63 ºC. Seu diâmetro é de 6.794 km.

 

Júpiter: é o quinto planeta a partir do astro-rei e o maior de todos eles. Com um diâmetro de 142.984 km, ele consegue ser mais frio que Marte, já que sua temperatura média é de -150 ºC. Além disso, ele fica a 778.330.000 km do Sol.

 

Saturno: é o sexto planeta a partir do Sol e bem famoso: além dos anéis formados por partículas de rocha e gelo, ele possui o maior número de luas! Com uma temperatura média de -130 ºC, ele fica a 1.429.400.000 km do astro-rei e tem 120.536 km de diâmetro.

 

Urano: é o sétimo planeta a partir do Sol e o único que gira em paralelo com a própria órbita – já os demais giram de forma perpendicular. Com um diâmetro 51.118 km e uma temperatura média de – 214 ºC, ele fica a 2.870.990.000 km do astro-rei.

 

Netuno: é o oitavo planeta a partir do Sol e o mais distante deles. Semelhante ao Urano, ele se destaca pela cor azulada. Com um diâmetro de 49.528 km e uma temperatura média de -220 ºC, ele fica a 4.504.000.000 km do astro-rei.

 

 

Sugestões para trabalhar o tema

 

  • Ainda em duplas, faça com que os alunos pesquisem – em livros e na internet – sobre um planeta e suas características (tipo de órbita, duração do movimento de rotação e translação, números de satélites, visitas e fotografias feitas por equipamentos lançados da Terra etc) para, depois, expor aos demais os resultados e as descobertas realizadas durante a execução do trabalho.

 

Fotos: Revista Guia Prático do Professor – Ensino Fundamental I Ed. 95