Tem amido ou não?

O experimento que apresentamos é importante para impedir que indivíduos diabéticos ingiram alimentos com amido

Da Redação | Fotos: Carlos Rincon | Adaptação web Caroline Svitras

Normalmente, os valores de glicose no sangue de qualquer pessoa sadia variam de 70 a 110 mg a cada 100 ml. No entanto, quando essa glicose não é bem utilizada pelo organismo, sua concentração aumenta e o indivíduo passa a ter hiperglicemia. Tal designação é conhecida popularmente como diabetes, condição crônica que vem crescendo muito nos últimos anos, em especial entre crianças e adolescentes. Consequentemente, os portadores dessa doença metabólica não deveriam ingerir alimentos que contém amido, um carboidrato constituído principalmente de glicose. Mas até os familiares ainda acham que a única restrição alimentar deles se refere ao consumo de açúcar. Eles não sabem que o amido se transforma em polissacarídeo depois de metabolizado, em um processo que aumenta o nível de glicose no sangue.

 

Apesar desse desconhecimento, ainda há outro que intriga. Afinal, quais são os alimentos do nosso cotidiano que contém amido? À primeira vista tal resposta parece difícil de ser obtida, porém com o experimento que sugerimos, a criançada poderá fazer essa identificação de uma maneira bem simples para, então, usá-la em beneficio próprio ou para alertar os diabéticos sobre o risco que correm quando consomem alimentos indevidos!

Confira mais experimentos na revista Guia Prático do Professor – Ensino Fundamental Ed. 143. Garanta a sua aqui!

Adaptado do texto “Tem amido ou não?”